quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Senhor do Desejo

ROMANCE CONTEMPORÂNEO
Série Ricos e Reclusos
Julianne se sentia uma prisioneira no remoto castelo de Zach Keller. 

Ele deveria ser seu protetor, mas Julianne ficava totalmente exposta sob seu olhar. E, para piorar, Zach insiste que a única forma de mantê-la em segurança, é se ela se tornar sua esposa. Agora, Julianne precisa encontrar uma maneira de fugir. Afinal, está a um passo de dizer sim para tudo o que ele deseja…




Capítulo Um

— Isso não fazia parte do plano — reclamou Julianne Johnson, as palavras engolidas pelo ronco da lancha a caminho de Promontory, uma das ilhas de San Juan, na costa de Washington. De acordo com informações obtidas na internet, o arquipélago, dotado de vilas de pescadores, povoados, habitado por artistas e pistas para bicicleta, era um paraíso para turistas. Mas não Promontory — ou Prom, como o piloto da lancha chamava o lugar –, onde só se chegava de barco particular ou helicóptero, no qual era proibido o acesso a embarcações de passeio turístico.
Ao aproximar-se, observou a ilha. Como podia ser tão isolada e ter turistas? Embora tivesse sido despachada para o local visando mantê-la isolada durante o julgamento do irmão, ganharia a vida trabalhando para Zach Keller, proprietário do Spirit Inn. Se havia um hotel, devia haver hóspedes, certo?
Talvez a ilha não fosse tão isolada quanto imaginava.
— Onde fica a cidade? — perguntou ao condutor do barco, o sr. Moody, um homem na faixa dos 60 anos, cabelo grisalho e porte atlético.
Ao acompanhar seu gesto, ela só avistou árvores, penhascos e um enorme rochedo projetado sobre o Oceano Pacífico.
Purgatório parecia uma descrição mais apropriada para a jovem de 23 anos da Califórnia do Sul, terra do sol e de shoppings, obrigada a viver aprisionada, cercada de água por todos os lados e sem um shopping decente.
Não tinha escapatória.
A lancha desacelerou de repente e se esgueirou entre outras, prova de que outros seres humanos moravam na ilha.
O sr. Moody atracou e lhe ofereceu a mão para subir ao cais flutuante, que balançava e se inclinava à medida que se aproximava da terra. Havia um jipe estacionado e só; nenhum outro sinal de vida.
— Onde fica a cidade? — repetiu Julianne.
— Yonder — disse, espichando o pescoço com uma das malas da jovem em cada mão.
— O que é isso?
— Tem uma loja e um posto de gasolina.
— Só isso?
— Não precisamos de mais nada.
Passaram por uma estradinha estreita e pavimentada. Em poucos minutos, uma estrutura apareceu a distância. Observou com crescente assombro os detalhes da construção.
— É um castelo — murmurou, deslumbrada.
— Todas as pedras foram trazidas da Escócia.
— Pelo sr. Keller? — Ela imaginou o novo chefe de saia xadrez, o cabelo ruivo despenteado pela brisa do oceano.
— Não. Por Angus McMahon há muito tempo.
O sr. Moody estacionou ao lado da construção. Saltaram do jipe e se aproximaram de um arco de pedra abrigando uma sólida porta de madeira. A temperatura fria de final de novembro os acompanhou ao entrarem no castelo. Os passos ecoaram pelas paredes e pisos de pedra cinzentas enquanto Julianne o seguia da área de serviço até um espaço com uma enorme lareira antiga, embora abrigasse uma cozinha moderna com equipamentos de aço e bancadas de granito.
Uma mulher ruiva, alta e robusta lavava alface na pia. Não abriu um sorriso.
— Minha mulher, Iris — apresentou o sr. Moody.
— Bem-vinda, srta. Johnson.


Série Ricos e Reclusos
2- Senhor do Desejo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oiiiiii...Não vai sair sem deixar um comentário vai?
Aqui é seu canal compartilhando a leitura...Conte para nós o que achou do último livro que leu ou lendo, livros que está afins de ler, comente o que desejar sobre o blog, os livros, só não vale detonar revisões e sim agradeçam as revisoras que fazem com carinho a leitura chegar à vocês!
bjs, Jenna e Carla